Você já percebeu como as melhores lições de vida parecem chegar um pouco tarde demais? Às vezes, só depois de tropeçarmos é que finalmente conseguimos o conselho de que precisávamos.

Mas e se pudéssemos inverter o roteiro? E se pudéssemos obter essas pepitas de sabedoria com antecedência?

É exatamente isso que vamos explorar hoje. Temos 15 conselhos que as pessoas muitas vezes não ouvem até que seja tarde demais.

Pense nisso como seu kit de ferramentas para mudar sua vida. Um guia fácil de seguir e o mais direto possível.

1) Aceite o fracasso

Todos nós já ouvimos a frase “o fracasso não é uma opção”. Mas o problema é o seguinte: o fracasso não é apenas uma opção, é uma necessidade. É através dos nossos erros que realmente aprendemos e crescemos.

Em vez de temer o fracasso, aceite-o. Veja isso como uma oportunidade de aprender algo novo sobre você e o mundo ao seu redor.

2) Valorize o tempo em vez do dinheiro

Na pressa de construir uma vida, muitas vezes associamos sucesso a dinheiro. Mas aqui vai um conselho que as pessoas muitas vezes aprendem tarde demais: o tempo é muito mais valioso que o dinheiro. O dinheiro pode ser ganho, guardado, gasto e perdido – e depois recuperado.

Mas tempo? Depois que acabar, vai embora para sempre. Portanto, valorize o seu tempo. Gaste-o em coisas que realmente importam para você – seja aprendendo uma nova habilidade, passando tempo com seus entes queridos ou até mesmo tirando um momento para respirar e aproveitar a vida.

Lembre-se de que o tempo bem gasto é mais gratificante do que o dinheiro bem gasto.

3) Não adie sua paixão

Aprendi isso da maneira mais difícil. Durante anos, fiquei preso a um emprego que pagava as contas, mas não alimentava minha alma. Eu tinha paixão por escrever, mas sempre disse a mim mesmo que era uma quimera. “Talvez algum dia”, eu dizia, mas esse dia parecia nunca chegar.

Então, um dia, um amigo me deu um conselho que mudou tudo. Ela disse: “Não espere por algum dia. Se você gosta de escrever, então escreva. Você não precisa de permissão para seguir sua paixão.”

Então comecei a escrever; pela manhã, antes do trabalho, no intervalo do almoço, depois do jantar. Não foi fácil e houve muitas madrugadas e madrugadas. Mas você sabe o que? Nunca estive mais feliz.

A lição aqui é simples: não adie suas paixões. A vida é muito curta para não fazer o que você ama. Se você tem uma paixão, persiga-a com tudo que você tem. Você não vai se arrepender.

4) Priorize a saúde

Muitas vezes, estamos tão envolvidos em nossa rotina diária que negligenciamos nossa saúde. Pulamos refeições, passamos a noite inteira e levamos nossos corpos ao limite.

Mas aqui está um interessante facto: De acordo com a Organização Mundial de Saúde, surpreendentes 60% da nossa qualidade de vida depende do nosso estilo de vida e escolhas comportamentais – incluindo dieta, exercício e sono.

Meu ponto é: cuide do seu corpo. É o seu templo. É o único lugar onde você pode morar. Faça refeições balanceadas, faça exercícios regularmente e descanse o suficiente.

5) Valorize os relacionamentos

A vida tem um jeito de nos lembrar que, no final das contas, o que mais importa não é quanto temos, mas quem temos em nossas vidas. Muitas vezes ficamos tão absortos em nossas atividades e ambições pessoais que esquecemos de valorizar os relacionamentos que temos.

Sua família, seus amigos, seus entes queridos – essas são as pessoas que tornam a vida significativa. Eles compartilham sua alegria, ajudam em tempos difíceis e estão ao seu lado quando você precisar deles. Eles são insubstituíveis.

6) Continue aprendendo

Lembro-me de quando terminei a escola e pensei: “Sim! Chega de estudar!” Mas cara, eu estava errado. A vida é uma jornada de aprendizado constante e cada dia traz uma chance de aprender algo novo.

Há alguns anos, decidi aprender a programar. Foi difícil, especialmente porque eu não tinha formação em tecnologia. Houve momentos em que eu quis desistir. Mas cada vez que eu conseguia resolver um problema ou escrever um código funcional, a sensação era estimulante.

Essa experiência me ensinou que o aprendizado não termina com um diploma ou certificado. É algo que devemos continuar fazendo ao longo de nossas vidas.

Seja iniciando um novo hobby, lendo um livro sobre um assunto desconhecido ou simplesmente ouvindo as experiências de outras pessoas – toda oportunidade de aprender é uma oportunidade de crescer.

7) Deixe de lado os rancores

Aqui está a verdade crua: os rancores são como sanguessugas – eles sugam a alegria da sua vida. Eles pesam sobre você, mantêm você preso ao passado e roubam a energia que você poderia usar para construir um futuro melhor.

Todos nós fomos magoados, injustiçados e decepcionados por pessoas em quem confiamos. Mas agarrar-se a essa raiva e ressentimento não os pune – pune você. É como tomar veneno e esperar que o outro sofra.

8) Abrace a mudança

Meu amigo, a mudança é a única constante na vida. Como você não pode ficar longe disso, é melhor adotá-lo como seu aliado no crescimento.

É o catalisador para o progresso e a porta para novas oportunidades. E daí se as mudanças trazem desconforto? Isso é apenas um sinal de que você está sendo esticado, o que é uma coisa boa. Significa que você está evoluindo, ficando mais sábio e resiliente.

9) Comemore pequenas vitórias

Sempre fui uma pessoa orientada para objetivos. Defino grandes objetivos e trabalho incansavelmente para alcançá-los. Mas eu costumava ignorar minhas pequenas vitórias, pensando que não valia a pena comemorar.

Um dia, um mentor me disse: “Cada vitória, por menor que seja, é um passo em direção ao seu objetivo final. Celebrar isso.” Foi um momento luminoso para mim.

Desde então, comecei a comemorar minhas pequenas vitórias – terminar um projeto difícil, manter minha rotina de exercícios por uma semana ou até mesmo preparar um novo prato com sucesso. E sabe de uma coisa? Isso fez uma enorme diferença.

Comemorar pequenas vitórias tornou minha jornada mais agradável. Isso me deu confiança e motivação para continuar mesmo quando as coisas ficam difíceis.

10) Pare de comparar

Sejamos honestos: todos nós já caímos na armadilha da comparação em algum momento. Olhar para a vida de outra pessoa e pensar: “Se eu tivesse o que ela tem”.

Mas aqui está a verdade: o jogo de comparação é uma batalha perdida. Você é único e sua jornada também. Compará-lo com o de outra pessoa não faz justiça à pessoa que você é e ao progresso que fez.

11) Diga ‘não’ quando necessário

Dizer “sim” quando você quer dizer “não” é cansativo. Fazemos isso para agradar aos outros, para evitar conflitos ou por medo de perder alguma coisa.

Mas a que custo? Seu tempo, sua energia, sua paz de espírito? Não há problema em dizer ‘não’. Você não precisa estar disponível para todos o tempo todo.

12) Enfrente seus medos

Temer. É o que nos impede de correr riscos, de sair da nossa zona de confortode alcançar todo o nosso potencial.

Mas adivinhe? O medo muitas vezes é apenas uma ilusão. A maioria das coisas que tememos nunca acontece de verdade. São apenas cenários que criamos em nossas mentes. Pergunte a si mesmo: quantas coisas com as quais você se preocupava no passado realmente se tornaram realidade em sua vida?

13) Viva o momento

Passamos tanto tempo pensando no passado ou nos preocupando com o futuro que nos esquecemos de viver o presente.

Aqui está uma verificação da realidade: o passado se foi e o futuro não está prometido. Tudo o que realmente temos é agora. Curta o momento! Não espere pelo amanhã – aproveite o dia, saboreando cada batida do coração, cada respiração.

14) Perdoe-se

Muitas vezes somos nossos críticos mais severos. Nós nos culpamos pelos erros, insistimos em nossos fracassos e carregamos culpa e arrependimento por anos.

Meu amigo, você é apenas humano. E como humano – você erra. Pense em cada passo em falso como uma lição aprendida – uma chance de crescimento e aceite as imperfeições como a essência da humanidade.

15) Siga seu coração

Quantas vezes você ignorou seu coração porque a lógica lhe disse o contrário? Quantas vezes você se arrependeu?

Deixe que isso aconteça: seu coração muitas vezes sabe o que é melhor para você. É esse pressentimento, esse instinto, que ‘simplesmente sabe’. Às vezes, você tem que prestar menos atenção à sua cabeça e mais ao seu coração.

Palavra final aos sábios

Na grande tapeçaria da vida, as lições chegam até nós no seu próprio tempo, cada uma transmitindo a sua própria sabedoria e visão. Embora alguns aprendam cedo, outros entendem mais tarde, mas a beleza está no crescimento e evolução contínuos de nossa jornada.

Nunca é tarde para colher conhecimento das experiências que nos moldam – pois cada revés e triunfo é uma lição à espera de ser aprendida.

Portanto, não desanimemos com o momento das nossas revelações, mas sim abracemos a oportunidade de crescer e evoluir, independentemente de quando as lições surgirem em nosso caminho.

Com perseverança e determinação, podemos enfrentar os desafios da vida, munidos da sabedoria adquirida com cada lição aprendida.

Afinal, onde há vontade, sempre há um caminho a seguir.

Perdeu seu senso de propósito?

Nesta era de sobrecarga de informação e pressão para satisfazer as expectativas dos outros, muitos lutam para se conectarem com o seu propósito e valores fundamentais. É fácil perder a bússola interior.

Jeanette Brown criou este PDF gratuito de descoberta de valores para ajudar a esclarecer suas motivações e crenças mais profundas. Como experiente coach de vida e professora de autoaperfeiçoamento, Jeanette orienta as pessoas em grandes transições, realinhando-as com seus princípios.

Seus exercícios de valores exclusivamente perspicazes iluminarão o que o inspira, o que você representa e como pretende operar. Isso serve como um filtro refrescante para desligar o ruído social, para que você possa fazer escolhas baseadas no que é mais importante para você.

Com seus valores claramente ancorados, você ganhará direção, motivação e bússola para tomar decisões a partir do seu melhor – em vez de emoções passageiras ou influências externas.

Pare de vagar sem propósito. Redescubra o que faz você ganhar vida com o guia de clareza de valores de Jeanette Brown.



Share. Facebook Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email

Formado em Educação Física, apaixonado por tecnologia, decidi criar o site news space em 2022 para divulgar meu trabalho, tenho como objetivo fornecer informações relevantes e descomplicadas sobre diversos assuntos, incluindo jogos, tecnologia, esportes, educação e muito mais.