Sofisticação normalmente não é uma palavra que associamos a emoções. Pensamos nisso mais em termos de roupas elegantes ou eventos de alta classe ou uma sensação de refinamento e cultura.

Mas e se eu lhe dissesse que isso se aplica às emoções e, além do mais, é praticamente um superpoder?

Costumo comparar pessoas emocionalmente sofisticadas a manipuladores de bombas – ambos possuem o conhecimento sofisticado e a profunda compreensão necessária para desarmar meticulosamente um dispositivo complexo.

Porque é isso que as emoções são – complexas.

Você está se perguntando se você mesmo tem esse tipo de sofisticação emocional? Neste artigo, discutirei 6 sinais de que você pode ser um, de acordo com a psicologia.

Vamos mergulhar!

1) Você tem profunda autoconsciência

O Glossário de Psicologia define sofisticação como:

“…o nível de complexidade, refinamento ou maturidade no pensamento, comportamento ou processos cognitivos de um indivíduo. Representa um estado avançado ou desenvolvido de compreensão, julgamento ou tomada de decisão.”

Vamos ler de novo: “avançado”. Se você for emocionalmente sofisticado, terá um nível de autoconsciência muito mais alto do que a pessoa média.

É por isso que você pode ir além de identificar o que sente. Você é como um detetive que vai além disso e investiga o porquê.

Por exemplo, talvez um comentário improvisado tenha deixado você triste, mas você também percebe que há uma razão mais profunda por trás dessa tristeza.

Ou talvez você se sinta culpado por dizer “não” a um amigo que lhe pede um favor, mas, após refletir, você entende o que está na raiz disso – o medo de ser visto como inútil.

2) Você pode processar emoções complexas

Se você percebeu nos exemplos acima, sofisticação emocional significa que você guarda muitas emoções dentro de você. Um mundo de nuances e camadas que você tem habilidade suficiente para identificar.

Todos nós somos capazes de experimentar emoções complexas – aquelas que vão além das emoções básicas de tristeza, felicidade, raiva, medo, nojo e diversão. Estou falando de emoções como:

  • Culpa
  • Vergonha
  • Orgulho
  • Inveja
  • Gratidão
  • Amor

Porém, nem todos são capazes de processá-los. Como assim?

Bem, é necessário um nível mais elevado de processamento cognitivo para fazer isso, e muitas vezes essa capacidade é influenciada por fatores como inteligência emocional, desenvolvimento psicológico e condicionamento cultural.

Você saberá que está nesse nível se gostar de arte, filmes e livros literários e música. Esses médiuns frequentemente exploram as profundezas das emoções humanas e a complexidade das experiências da vida.

Eles vão além do mero entretenimento e desafiam você a pensar, sentir e questionar. Para ultrapassar o literal e passar para o implícito e o metafórico.

O fato de você ser capaz de lidar e compreender o que impulsiona o comportamento humano também significa que….

3) Você é profundamente empático e sensível

Com um ponto positivo: você não se deixa engolir por isso!

Agora, isso exige mais habilidade do que você pensa. Meu círculo de amigos é formado por pessoas empáticas, todas muito atenciosas e compassivas, às vezes ao ponto do esgotamento emocional.

Mas os verdadeiramente sofisticados emocionalmente entre nós têm a capacidade de encontrar um bom equilíbrio – eles sabem como ter empatia sem se perderem na turbulência emocional de outra pessoa.

Saúde Mental América enfatiza a necessidade de limites e pensamento consciente: “Um alto nível de empatia é bom, mas sem habilidades conscientes para lidar com isso pode levar você ao esgotamento da empatia”.

Se você puder fornecer apoio emocional sem se envolver excessivamente pessoalmente, isso é um sinal de sofisticação emocional.

4) Você pode manter a objetividade diante do conflito

Você já esteve em uma situação em que era esperado que você tomasse partido? Lembro-me de uma vez estar no meio de uma discussão entre minha irmã e o marido dela.

Claro, minha irmã esperava que eu ficasse do lado dela, mas o problema era que ela estava claramente errada nisso.

Nossos preconceitos e emoções pessoais às vezes atrapalham a visão do quadro geral. Mas se você consegue se desligar disso, é um sinal de sofisticação emocional.

A objetividade não é para os fracos, isso é certo. No meu caso, tive amigos e familiares que ficaram bravos comigo por não ter ficado do lado deles imediatamente. Felizmente, porém, eles finalmente perceberam a razão e alguns ficaram realmente gratos pela minha objetividade em retrospectiva.

Gostaria também de acrescentar que, para pessoas emocionalmente sofisticadas, essa objetividade se estende ao seu próprio envolvimento.

Porque eles podem manter um certo distanciamento e regular suas emoções, eles podem ver – e admitir mais facilmente! – onde eles próprios erraram.

5) Você está aberto a múltiplas perspectivas

Há um velho ditado de Aristóteles que diz: “É a marca de uma mente educada ser capaz de nutrir um pensamento sem aceitá-lo”.

Isso se aplica perfeitamente aqui – se você é emocionalmente sofisticado, você tem uma mente aberta que lhe permite entreter diferentes ideias e perspectivas.

Você sabe que nada é apenas preto e branco. Você sabe que só porque acredita em uma coisa não significa que as crenças de outras pessoas estejam erradas.

Considere o que envolve esse tipo de perspectiva de vida – humildade, graça, sabedoria, flexibilidade. Definitivamente é necessário um nível mais elevado de pensamento e de ser para ser esse tipo de pessoa!

6) Você olha abaixo da superfície do comportamento das pessoas

Da mesma forma, é necessário um nível mais elevado de compreensão para evitar reações instintivas diante do comportamento desagradável de outras pessoas.

Se você é emocionalmente sofisticado, acertou em cheio na arte de ser sem julgamento. Como eu disse antes, você entende a diversidade em todas as suas formas, e isso inclui o comportamento.

Digamos que um colega de trabalho fale sobre você pelas suas costas. A pessoa comum provavelmente reagiria com raiva; alguns podem até retaliar da mesma forma.

Mas você – embora você definitivamente se sinta mal por isso (é claro, você ainda é humano) – há uma parte de você que se esforça para entender por que eles fariam isso.

Portanto, você pode responder de maneiras que os não muito sofisticados achariam estranhas.

Você pode perguntar diretamente (e gentilmente) à pessoa se houve algum mal-entendido. Você pode optar por deixar isso passar e, em vez disso, sentir empatia por eles, porque provavelmente estão infelizes na vida.

A questão é que a sofisticação emocional é o que permite que você responda com graça, em vez de reagir de maneira prejudicial.

Pensamentos finais

Os sentimentos são confusos, isso é certo, e é por isso que muitas pessoas não sabem como lidar com eles. Mas se você estiver disposto a fazer o trabalho interno, definitivamente poderá melhorar nisso.

E vale a pena o esforço. A sofisticação emocional é uma habilidade real que pode fazer uma grande diferença tanto na nossa vida pessoal quanto na nossa. vidas profissionais.

Isso não significa que você não terá sua cota de problemas na vida, mas os desafios certamente se tornarão mais administráveis.



Share. Facebook Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email

Formado em Educação Física, apaixonado por tecnologia, decidi criar o site news space em 2022 para divulgar meu trabalho, tenho como objetivo fornecer informações relevantes e descomplicadas sobre diversos assuntos, incluindo jogos, tecnologia, esportes, educação e muito mais.